02 maio 2007

"Mini-férias"


Estou como o tempo... Chata, triste, cinzenta... Deve ser a melancolia depois das "mini-férias". No entanto, para os meninos, o regresso à escola correu muito bem. A Maria foi toda contente e o João apenas se tentou agarrar às minhas pernas no corredor, mas assim que viu a educadora e, os coleguinhas lá foi ele, mais ou menos distraído... Logo à tarde ainda me espera mais uma jornada aquática. As aulas de natação da Maria e do João! Confesso que me custa só de pensar, mas ver os sorrisos deles e a alegria quando entramos na piscina, tudo vale a pena...
A Maria continua com os seus ataques mistos. Ora quer as palhaçadas e brincadeiras que faço ao João, como um bebé, ora se transforma numa senhora, que exige o uso de cinto nas calças "como as senhoas", e telefonemas "Á Manuela paia tatai dos assuntos". Estes Telefonemas foram bastantes frequentes nestes ultimos dias...
-"Tou? Olá... Po acaso não têm po aí um gavadoí de Dbds? (esta pronuncia do Norte...) Ah! Ponto, pensei que tinha... Não... Não... Não faz mal... Depois convesamos e combinamos mió... Pois... Pois... Tá bem... Sim... Ponto xau, xau, xau.... Beijinho....'Té amanhã..."
Gostava eu de saber onde vai buscar estas histórias, estas conversas... Concerteza as escuta na escola entre a Educadora e a Directora, mas o que realmente eu gosto de apreciar é a veracidade que ela coloca durante toda a conversação telefónica. Parece verdadeiramente real!
O Joãozinho, ultimamente mais carinhosamente tratado por "Ique" continua terrivel. Desafia e mete-se com a irmã a toda a hora, medindo forças e não desistindo dos brinquedos com que tenciona brincar... E tem força o pequenito... Ao que deita a mão, não é facil largar... No entanto é a meiguice em pessoa e quando para aí está virado distribui mimos e beijionhos a toda a gente... Como é bom vê-lo abraçado á irmã logo de manhã, como que a dar-lhe os bons dias...Estou morta por ouvi-lo falar...


Sem comentários: