20 junho 2017

Quando tudo estava verde

Há 7 anos atrás passámos uma semana maravilhosa onde o sabado passado ocorreu uma das maiores tragédias do nosso país... Ontem recordava isso com um dos amigos que nos acompanhou. Visitamos quase todas as praias fluviais nessa zona e passámos também um dia na Piscina das Rocas em Castanheira de Pera, de onde vinha a maior parte das vítimas. Os miudos eram tão pequeninos e foi a primeira vez que acamparam...Ficarão sempre essas memórias...aqui, aqui e aqui

Dos incêndios

Tenho assistido pela televisão a tragédia que aconteceu em Portugal com o incêndio de Pedrógão e não tenho palavras para exprimir o sentimento de dor, pena e solidariedade para com as pessoas envolvidas, desde as vítimas, familiares, habitantes, bombeiros... enfim, toda a gente que viveu e assistiu àquele inferno...

Sei por experiência própria, ainda que numa dimensão que não tem nada a ver com o que se passou em Pedrógão, o medo, o pânico e o sentimento de impotência perante o monstro que é o fogo. No verão passado tive a experiência de o ter também à porta de casa. 
O que começou com um pequeno foco transformou-se num imenso susto.

Uma manhã começamos por ver umas colunas de fumo na nossa zona. Nesse dia íamos almoçar aos meus sogros e tinhamos previsto uma tarde de cinema com os miudos. Antes de irmos para casa dos meus sogros resolvemos verificar por onde andava o fogo que tinha originado as colunas de fumo que tinhamos visto de manhã. Não estava assim tão perto da nossa casa e ainda estava do outro lado do rio. "Não chega lá" disse-me o Ivo para me tranquilizar... 

No fim do almoço chego-me à janela da sala e nem queria acreditar onde o fumo já estava. "Está na direcção da nossa casa e não deve andar muito longe", disse eu.
Metemo-nos no carro deixando os meninos com os meus sogros e fomos ver o que se passava. Chegámos a casa e não vimos nada mas continuamos mais 600 metros e lá estava ele, a ameaçar a casa de um vizinho nosso.

Só me lembro de ver outros vizinhos com moto-serras na mão, que tinham acabado de cortar alguns pinheiros que poderiam colocar a casa em risco e ouvir gritos. Muitos gritos de aflição! Uns a pedir agua, outros a pedir que ligassem novamente para os bombeiros, outros de horror mas os que mais me impressionaram foram os da minha vizinha, desesperada que não encontrava a filha. Afinal a moça já com 16 anos tinha resolvido por os cães a salvo, levando-os para casa de familiares e na pressa não avisou a mãe onde ia...

Foi a primeira vez na minha vida que tinha estado tão próxima de fogo e que tinha tremido de medo e impotencia por esta razão...







Aqui o reencontro entre mãe e filha

Com a chegada dos bombeiros e a ajuda dos vizinhos o fogo foi apagado, a casa ficou a salvo e o fogo continuava lá mais atrás nuns pinhais. 
"Agora é deixar arder", diziam os bombeiros... "Ali não conseguimos chegar. Vamos ficando por aqui só para salvaguardar as casas"

Pareceu-nos que a coisa tinha acalmado, que estava tudo controlado e fomos buscar os meninos e levámo-los ao cinema...
Quando voltámos para casa estava outra vez impossivel... Desta vez, estava a 300 metros, por tras de uma fabrica que fica perto... Os bombeiros vieram ter conosco e o unico que nos disseram foi: "Não temos mais efectivos, precisamos da vossa ajuda. Cada proprietário tem que proteger o melhor que pode as suas casas". Perante aquilo pegámos nas mangueiras e começámos a regar todo o jardim, os telhados e as árvores... De vez em quando eu subia à varanda do primeiro andar para ver como estavam as coisas e como evoluía e assustava-me muito ver as folhas de eucalipto a arder, a voar em varias direcções, o que podia provocar outros focos de incendio muito rapidamente.

Estivémos até às 6 e meia da manhã de pé, de vigia, até que por aquela zona o fogo foi apagado...
Os meninos não sairam de casa. Tentámos acalmá-los sem nunca lhes demonstrar a verdadeira dimensão do fogo que estava ali mesmo ao lado de casa. Mesmo assim eles estavam super assustados e pediram-me que queriam dormir conosco. A minha afilhada Filipa também estava conosco. Foram buscar os colchões de campismo e montaram acampamento no meu quarto nessa, e nas duas noites que se seguiram.


Esta foto foi tirada do meu jardim, na noite que ficámos de vigia.


Esta foto foi já no dia seguinte... Ainda ardia mas mais longe...

13 junho 2017

Visitas

Pois na sexta feira passada tive uma surpresa muito agradável. Recebo uma sms a dizer: "...Hola amigos!!! Estamos em Tanger...". Era dos nossos amigos que no final do ano tinha partido para a Argélia!!! Os meninos terminaram o colégio e antes de partirem para França de férias, vieram uma semana matar saudades a Tanger. Tanger é de facto uma cidade que marca toda a gente que por cá passa e as recordações das vivencias passadas são tão boas que toda a gente quer voltar...
Durante a sua visita os nossos amigos instalaram-se numa casa que fica numa das praias mais giras e resguardadas de Tanger e convidaram os amigos para que fossem passar um bocado agradável e matar saudades dos tempos que eles cá viveram. E no domingo lá fomos nós passar a tarde com eles. A intenção era regressar a tempo de o Ivo poder assistir à Formula 1 que começava às 7, mas depois acabámos por ficar lá até ao por do sol. 
A temperatura estava fantástica, estava um grupo super agradável, os miudos e os papás divertiram-se imenso com jogos e nas ondas (bem agitadinho estava o mar), enquanto as mamãs punham a conversa em dia na varanda da casa que ficava em cima da areia e com a água a chegar à porta por causa das ondas.
Era impensável regressar a casa sem aproveitar aquele sitio fantástico e a oportunidade  de poder assistir ao por do sol com aquela vista maravilhosa.
Foi sem dúvida uma tarde muito bem passada em familia, com direito aos mimos todos que as saudades já provocavam... Obrigada meus amigos! Voltem sempre que gostamos muito de vos cá ter!!!



Os miudos e os papás a jogar ao Chinquilho





O magnífico por do sol


08 junho 2017

Ftour

Tal como já tinha explicado aqui no outro dia, o Ftour é o momento em que os muçulmanos quebram o jejum efectuado durante o dia e se reunem a comer com as suas familias e amigos.

Ontem fomos convidados pelos nossos queridos amigos Shara e Moussa para partilhar o seu Ftour e aceitámos com imenso gosto. Primeiro porque gostamos muito deles e depois, falando por mim adoro a comida marroquina que é servida nesta ocasião.

A propósito da ocasião vesti-me a rigor para a noite :) Não foi nada muito produzido, pois em Ramadão reina a simplicidade sem grandes maquilhagens e apenas um toque muito leve de perfume, mas fiz questão de usar uma "Gandora" apropriada para usar neste tipo de evento.

A Maria também levou a sua "Djelaba" que lhe fica super bem e os nossos amigos adoraram o pormenor desta escolha da roupa.
Foi sem duvida uma noite super agradável!!!

06 junho 2017

Praia

A temperatura por estes lados tem estado fantástica. Um calorzinho agardável sem nada de altas temperaturas nem abafos. Por isso aproveitámos o fim de semana para ir à praia e apanhar um bocadinho de cor. Não ficamos muitas horas pois não convém abusar muito ao inicio mas soube pela vida.

As praias nesta altura do ano são super agradáveis pois como os muçulmanos não as frequentam em tempo de Ramadão, isso faz com que estejam quase vazias, super calmas e quase exclusivamente ocupadas por expatriados. O que é bom porque estamos tranquilos apesar de encontrarmos sempre amigos, o que permite dar duas de conversa e assim o tempo passa a correr. Para os miudos também é bom pois não se aborrecem e acabam por ter companhia para as brincadeiras.

Eu gostei e a ver se começo a ganhar uma corzinha pelo menos nas pernas pois parece que faço reclame à Lixívia ehehehehe


30 maio 2017

Ramadão

Por aqui vivemos dias de Ramadão desde sábado passado. Gosto deste mês, desta época de Ramadão... é uma época diferente... há uma certa paz pelo que representa o Ramadão mas ao mesmo tempo sente-se uma tensão e um stress provocado pela falta de comida, cafeína e nicotina para os fumadores. Enquanto as pessoas se sentem mais solidárias, ao mesmo tempo a privação de água e dos seus habitos alimentares durante todo o dia por vezes causa alguma impaciência e vemos algumas discussões na rua, no trânsito...

Outra coisa que gosto no Ramadão são os horários. Uma semana antes do início do Ramadão a hora mudou aqui. Voltámos à hora antiga e estamos com menos uma hora. Por outro lado os horarios laborais também mudam. Isso faz com que o papá saia mais cedo para trabalhar mas a meio da tarde já o temos em casa, o que por vezes nos permite dar um pulinho à praia antes de jantar!
O Horario escolar dos meninos também muda. Passam a entrar meia hora mais tarde, a duração das aulas diminui cerca de 10 minutos e o tempo de recreio é aumentado.

Os nossos hábitos alimentares também mudam. Não fazemos Ramadão a 100% mas como normalmente levamos o almoço para o escritório e comemos aí, durante o mes de Ramadão, em respeito para com os Marroquinos com quem trabalhamos não o fazemos. 
Então durante o tempo que estamos a trabalhar não comemos nem bebemos nada. Só quando chegamos a casa, e por isso também tentamos tomar um bom pequeno almoço antes de sair. E no meu caso, o cafezinho que normalmente é tomado no escritório, tomo-o em casa também antes de sair.

As crianças muçulmanas não estão obrigadas a fazer Ramadão e por isso o João continua a levar o seu pãozinho para comer no recreio da manhã no colégio. 
Com a Maria as coisas são diferentes... com 13 anos já todos os adolescentes fazem Ramadão e este ano ela também disse que vai querer fazer alguns dias Ramadão em respeito pelos seus amigos/as. Durante o tempo que está no liceu não come nada (entre as 8:15 e as 15:00) e só come quando chega a casa. Ontem por exemplo não quis comer e só terminou o jejum na hora do Ftour, que é a hora a partir da qual se pode comer pois o Sol já se pôs (normalmente por volta das 19h45). Esta hora é anunciada pelos Imanes, através dos megafones das mesquitas. Ontem foi convidada por uma amiga a comer o Ftour na sua casa e foi onde rompeu o jejum.

O que os muçulmanos normalmente comem no Ftour no Ramadão são tâmaras com leite, Harira, que é uma sopa deliciosa feita com grão, lentilhas, carne, tomate e massa muito fina (tipo a que nós utilizamos para fazer aletria), Briouat ou Cigales que são salgados que podem ser de carne picada, frango ou peixe. Isto como entrada... depois jantam normalmente frango assado ou guisado, ou esparguete à bolonhesa, ou cordeiro assado no forno, ou peixe assado no forno, tagine de peixe, vitela ou frango, etc...

Para sobremesa têm depois um monte de doces feitos com muito mel, mas a mais famosa e que eu adoro é a Chebaquia, que é uma massa frita regada com muito mel e polvilhada com sementes de sésamo.

E é assim durante todo um mês em que a noite se transforma em dia e as familias e amigos se reunem para romper o jejum juntos e nós cristão temos também a oportunidade de participar pois todos os anos somos convidados por vários amigos para participar do seu Ftour. Gosto muito!


Tâmaras com leite


Harira


Briouat


Cigales


Chebaquia


29 maio 2017

Os irmãos mais novos...

Tenho duas amigas que cada uma delas tem 3 filhos. Coincidência ou não os mais velhos são companheiros de liceu, sendo um deles inclusivamente da turma da Maria e os do meio são ambos da turma do João, mas os mais novos são de partir a rir.

Uma destas minhas amigas é marroquina e portanto muçulmana também. Nas ultimas férias escolares foram de viagem a Paris. Dizia-me ela:
-Passei das maiores vergonhas da minha vida... assim que saímos do avião e entrámos dentro do autocarro, ainda dentro do aeroporto, desata a rezar e a dizer "Alla u akhbar". Quanto mais eu lhe dizia para se calar, mais rezava ele. E como se não bastasse repetiu a mesma coisa no metro e em todos os taxis que entramos!!! 

O mais engraçado é que estou mesmo a imaginá-lo... Um pirralho de 6 anos mas que tem uma cara de reguila... Fartei-me de rir quando ela me contou.

Esta outra minha amiga é espanhola embora viva em Tanger desde criança. No ultimo aniversario da filha do meio a comemoração incluía uma ida ao skate park. Quando lá estavam o filho mais velho caíu e fracturou o pulso. A festa teve então uma pequena interrupção enquanto a minha amiga levou o miúdo ao hospital. Quando chegaram a casa, cantaram então os parabéns e partiram o bolo. Depois de cantarem então o "Cumpleaños feliz" diz o pequeno com 5 anos:
-Agora cantemos "Cumpleaños fatal"!
Foi gargalhada geral!!


26 maio 2017

Apresentação da Peça de Teatro

E ontem foi o dia do João brilhar!!
Foi a apresentação da peça de teatro de uma das actividades extra escolares.
A peça chamava-se "A outra história da Branca de Neve" e o João fazia de cavaleiro.
Gostei muito e os miudos portaram-se lindamente. Adoro ver como se dão tão bem e se preocupam todos uns com os outros...
E a Carol, a professora de teatro é um encanto... Já no ano passado tudo correu maravilhosamente bem com o grupo de teatro da Maria e este ano foi igual. Pena que se vá embora e no próximo ano já não vai estar...

Mas a apresentação foi um verdadeiro sucesso!!! Estão todos de parabéns!!!



O João à direita, vestido de preto, ao lado da professora de teatro

video

Aqui o fim da peça com todos os actores :) 
O Jota de cavaleiro com a sua espada e escudo :) 

22 maio 2017

O Espectáculo do Conservatório

E pronto, depois de tanta lufa lufa, tantas aulas, tantos ensaios e tantos nervos tudo passou!

Mais um ano o Espectáculo do Conservatório foi apresentado no Anfiteatro do Colégio Espanhol. Este ano decorreu apenas num dia e foram apresentadas todas as actuações em duas sessões; uma de manhã e outra de tarde.

A Maria participou nas duas. De manhã apresentou uma dança que era uma mistura de Dança Contemporânea e Hip Hop e, na parte da tarde a dança de Ballet que este ano foi uma musica do Bailado "O Quebra Nozes".

Eu como sempre senti-me uma mãe babada e muito orgulhosa da minha princesa!


A Maria na sua apresentação de Ballet



Com o grupo de Dança Contemporânea e a sua Professora.


19 maio 2017

Pérolas do Jota II

O João volta e meia adora meter-se na cama dos pais... No sábado passado deitei-me e deixei-os a todos ainda a ver televisão. No domingo ao acordar dou conta do João na nossa cama e pergunto:
- Quem é o menino que se veio aqui meter? Quem é este intruso?
- Olha a bem dizer foi o pai porque eu cheguei primeiro que ele!!

18 maio 2017

A lufa lufa do fim de ano

Por aqui, com o incio do Ramadão à porta (começa entre 25 e 26 de Maio), andamos numa loucura com os festejos de fim de ano lectivo.

Ainda faltam 5 semanas, mas como o fim das aulas é em pleno Ramadão, anteciparam as festas todas...
Assim sendo, temos a Convivência do Colégio do João no sábado, e o espectáculo do Conservatório no domingo, onde a Maria vai participar na apresentação de Ballet e de Dança Contemporânea...

Ontem a pobre teve uma excursão-caminhada organizada pelo professor de ginástica, em que andaram desde as 8 da manhã até às 3 da tarde... Chegou a casa estourada de todo e depois às 4 da tarde teve que ir a correr para o ensaio geral das danças do Conservatório até às 7 e meia. Quando a fui buscar quase nem podia caminhar e só se queixava dos pés... pudera... caminhada mais as pontas...

Depois de jantar deitou-se no sofá e adormeceu em 5 minutos.... O João sempre preocupado disse-me:
- Olha, a Maria já adormeceu... estava mesmo cansada. Deixa-a ficar em casa amanhã, deixa-a ficar a descansar...

Mas não... porque devido ao início do Ramadão também os testes e as avaliações se antecipam e por isso ela não quis faltar às aulas...

Prevejo assim um fim de semana muito agitado, no entanto sem podermos disfrutar de mais um dia de praia... Não se pode ter tudo, mas também... parece que vai estar levante e ninguém vai conseguir parar na praia com tanto vento eheheheh

17 maio 2017

Benvindo Verão

E no domingo passado abrimos a nossa época balnear!

Combinámos um pic nic com os nossos amigos Tarik e Sawa, mais os miudos e fomos passar o dia à praia!

Passámos um dia fantástico! A temperatura estava ideal, não havia muito vento (coisa rara em Tanger), a àgua estava óptima (segundo o Ivo e a Maria, porque eu não me meti) a comida estava muito boa e variada :), a companhia fantástica e ainda... a praia estava muito calma e com pouca gente, o que é óptimo para estarmos tranquilos e sossegados.

Dentro de 2 semanas começa o Ramadão e aí sim nessa época as praias estão vazias e conseguimos fazer uns dias de praia calmos e aproveitar...

Para já o início de época soube-nos a pouco, mas muito bem!!!
Este domingo que vem não vamos poder ir pois é o espectáculo do Conservatório e a Maria tem duas actuações, mas a ver se no fim de semana seguinte não faz vento e podemos aproveitar outra vez!







Maria, a menina que cresceu :)

Quando este blog começou a Maria tinha apenas 3 anos. Passados 10 anos as diferenças são enormes, e estão à vista!

Na sexta feira passada houve uma gala de benificiência da Associação Femmes du Nord, no Hotel Royal Tulip. Uma amiga da Maria convidou-nos mas a verdade é que não ia quase nenhuma das minhas amigas mais chegadas e deu-me a preguiça de ter que vestir Kaftan, então foi só a Maria pois ao contrário de mim, iam muitas amigas dela...

E como Gala é Gala, pois a minha menina que se está a transformar numa mulherzinha vestiu-se a rigor para a ocasião com um Kaftan lindo que lhe ficava lindíssimo!
veio toda contente que se tinha divertido muito com as amigas!!!
Ai as asas a abrirem-se cada vez mais :)






08 maio 2017

Dia da mãe

Mais um ano e mais um dia de mimos...
Não me lembro há quantos anos deixei de ter prendas no Dia da Mãe e não me lembro porque não me faz diferença absolutamente nenhuma...
Por vezes há flores, outras vezes não... 
Este ano por exemplo houve um lindo ramo de rosas... no domingo passado eheheheeh
A maior prenda é o tempo e o mimo que sempre me dedicam...

Este ano a Maria e o João fizeram-me uns videos com fotos minhas que eu adorei... A Maria publicou o dela no Facebook e o João não conseguiu pois tinha utilizado uma musica dos Aerosmith e ao publicá-lo no Facebook foi recusado devido a direitos de reprodução da musica... Ficou triste mas eu disse-lhe que não importava... o mais importante é que eu o tinha visto e ia ficar guardado no computador e nas minhas memórias deste dia.

Tinhamos um convite para almoçar, mas decidimos recusar e passar o dia os quatro. O Ivo fez o almoço enquanto eu descansei e depois de almoçar saimos a apanhar um pouco de sol em direcção à praia. Eu não quis trocar de roupa e disse-lhe que não ia à areia, por isso queria ir ao L'Ocean ou ao La Piscine que assim eu podia ficar a tomar qualquer coisa enquanto ele ia molhar os pés e caminhar um pouco na areia. Entretanto no caminho resolvemos ligar ao Tarik, que é outro apaixonado por praia, perguntar se não nos queriam fazer companhia e ele diz-nos que estavam a almoçar no Quai Sud, outro sitio fantastico à beira mar... E lá fomos ter com eles... acabámos por comer umas belas sobremesas e tomar café com eles num sitio super agradável com uma vista fantástica. Já eram quase 7 da tarde quando saímos de lá, e nem demos conta de o tempo passar...

Foi um dia em familia super bem passado e mais um ano que me vai deixar uma doce recordação...


05 maio 2017

Contratempos

Nada melhor para começar o dia que um furo no pneu de trás!!! Não foi hoje mas, foi ontem! E ainda bem porque hoje chove a potes!!! 
Valeu-me o nosso Abdelaziz que mal o Ivo lhe disse veio logo em meu auxilio e trocou-me o pneu, para eu poder regressar a casa e passados 15 minutos já lá estava outra vez com o pneu arranjado e voltou a trocar a roda de substituição pelo pneu arranjado... Tudo isto para que eu pudesse depois levar a Maria ao ballet a tempo!
Que bom poder contar com esta gente maravilhosa! E cada dia me sinto sempre bem vinda!


02 maio 2017

Aproveitar o tempo

E enquanto não temos as crias em casa aproveitamos para fazer compras, recados e dar um saltinho à praia aproveitar o sol :)


Férias

Na sexta feira passada os meninos entraram de férias e ainda não param...

A Maria foi dormir a casa de uma amiga sexta feira e a casa de outra amiga a noite passada (de segunda para terça) depois de uma tarde no centro comercial com sessão de cinema e jantar incluidos.

O João foi passar o sabado e o domingo a casa de um amigo e só voltou a casa na segunda feira de manhã... parece um autentico acampamento que se monta naquela casa cada vez que este amigo vem a Tanger (mudou-se recentemente para Espanha) com montes de crianças que querem estar com o amigo enquanto não está em Espanha. Chegam a juntar-se cerca de 40 crianças, se bem que os que ficam para dormir são bem menos. Deste grupo, são quase todos colegas de turma, ou do mesmo ano da Maria, mas que têm um carinho enorme pelo João. Desta vez a Maria não foi, pois também costuma ir passar sempre um dia lá.

Ontem ainda me ri pois o João perguntava-me pelo telefone do amigo a que horas eu ia buscá-lo ao que respondi que antes de almoço, e passado um pouco começo a receber mensagens num portugues muito estranho a pedir para ficar para passar a tarde... era o amigo dele a fazer-se passar por ele para que viesse embora mais tarde...

São as crias a ganhar asas e voar e nós a ter que deixá-las ir...

26 abril 2017

Feliz!!!! Parte II

Já tinha contado neste post o feliz que o João ficou por ter sido escolhido para fazer parte da equipa de futebol que foi representar o Colégio nos Encontros Desportivos Intercentros em que participaram todos os Colégios Espanhois presentes em Marrocos.

No dia 8 de Abril foram a Larache disputar as semi finais onde empataram com a equipa de Larache a 5 - 5 e ganharam à equipa de Tetouam por 11 - 2, passando assim às finais que iam disputar-se em Casablanca.

Enquanto estivémos em Portugal não se calava que os colegas deviam estar a treinar e ele estava a faltar e devia treinar também... já não o podia ouvir...

No fim de semana passado foi então a final do Torneio. Como Casablanca ainda fica a umas 5 horas de viagem de Tanger o treinador decidiu que iriam no dia antes. Uma aventura para ele, pois era a sua primeira dormida com o colégio fora de casa.

No dia dos jogos ganharam às equipas de Nador por 8 - 2 e Rabat por 7 - 2, conseguindo assim o primeiro lugar!
Nerm é preciso dizer a alegria que trazia quando chegou a casa, todo orgulhosos a mostrar a sua medalha!!!
Parabéns Jota!!!







Viagem a Portugal

Já foi há duas semanas e parece que foi ontem...

Sem duvida que o tempo cada vez passa mais depressa e nem nos damos conta.
Como sempre é muito bom visitar os nossos cantinhos, comer a nossa gastronomia e estar com a familia. Com os amigos é verdade que esta viagem foi curta demais e nem deu para ir visitar as minhas "tias" o que me deixou  triste e com muita saudade até à proxima viagem...

O que não faltou foi a visita à praia e à degustação das natas da "Atlântida" e a ida ao Forum para as compras da Maria... A cachopa cresce e é verdade que a roupa está a deixar de lhe servir demasiado depressa...

Para o regresso estava cheia de medo da travessia, pois tem estado imenso vento, no entanto o vento estava a nosso favor e desta vez viajámos noutra companhia. Ou uma coisa ou outra o certo é que apesar de alguma ondulação que também havia eu e o João (os que costumamos enjoar) fizemos uma viagem muito boa ;)




12 abril 2017

Uma vista geral... parte II :)

Agora sim, a verdadeira vista geral do terraço com os "adereços" novos :)



Visitas

Esta semana está a ser super divertida com a visita de amigos de Portugal. Os miudos andam super divertidos, sem vontade de ir à escola claro está, mas não há outro remédio pois não estão de férias e já vão faltar alguns dias que vamos a Portugal.
Temos visitado os pontos tipicos da cidade e estão a gostar muito. Como a maior parte das fotos que temos tirado, tem sido com a sua máquina fotografica eu não tenho ainda quase nenhumas para partilhar aqui, pelo menos das mais giras!

Na segunda feira passada foi o aniversario da filha mais nova destes nossos amigos e cantámos-lhe os "Parabéns a você" em árabe. Ficou tão contente a nossa pequenina ehehehehe

Amanhã regressamos todos a Portugal para a Páscoa! 

07 abril 2017

Uma vista geral...

Ontem fui com a minha amiga Shara comprar algumas coisas para embelezar o meu terraço, agora que se aproxima o tempo quente e dá mesmo vontade de estar lá fora.
Antes de sair de casa tinha ideia de tirar uma foto para ver mais ou menos o espaço e dimensões no momento da escolha das coisas... mas não me deu tempo...

Quando chegámos à loja efectivamente demo-nos conta que seria mais facil com as fotos e mandei então uma mensagem à minha filha:

-"Tira uma foto ao terraço e à parede do lado esquerdo e envia-me. "
Recebo isto...




Envio outra mensagem:
-"Manda-me uma vista geral para eu poder ver tudo..."
E... recebo isto! 



04 abril 2017

Um fim de semana para a desgraça

Foi mesmo uma desgraça!!
Depois do almoço de sexta feira em Rabat, do almoço de sábado em casa da Esther e do Juan, aparece-nos um amigo vindo de Marraquexe no domingo...

Tinhamos preparado paixe grelhado, que estava muito bem pensado para a dieta do Verão que se aproxima, mas fica tão dificil resistir quando te chegam com uma caixa destas para sobremesa...


Ai que desgraça tão grande!!!

Regresso a Tanger com almoço marcado

Depois da noite em Rabat tinhamos almoço marcado em casa de uns amigos em Tanger. Estavamos todos convidados mas devido a um imprevisto, o nosso amigo acabou por não regressar conosco e ainda ficou em Rabat até à noite.

Tivémos muita pena que não tivesse vindo pois passamos uma tarde muito agradável com a esposa deste nosso amigo e mais dois casais, sendo que um deles eram os nossos anfitriões. Fartámo-nos de rir pois as conversas andaram muito à volta de como cada um dos casais se tinha conhecido e foi o máximo ver como em todos os casais as memórias do homem e da mulher diferiam e havia sempre alguma contradição:

-Não, não foi bem assim...
-Claro que foi tu é que já não te lembras...
-Mas não eu não fiz isso...
-Ah fizeste pois, só que já não te lembras...

Enfim foi de partir a rir!

E a comida... muito boa!
Começamos assim... com umas belas ostras!



E terminamos assim... com uns pasteis que trouxe de Rabat, pois tinha prometido à Esther que levava a sobremesa de ananás que costumo fazer e todos adoram, mas com a estadia em Rabat vi logo que já não ia ter tempo de a fazer...


Foi muito bom mesmo... pena o nosso amigo não ter podido estar conosco. Por causa das coisa temos que repetir!!