24 fevereiro 2009

Maria

Ela: Óh! Eu queria tanto ser mãe!
Eu: (Glup) Ó filha mas tu vais ser mãe um dia, quando fores mais crescida como a mamã... (glup)
Ela(passado 1 minuto): E que filha é que eu vou ter?
Ele: Eu também quero ser pai!...
Eu: Olha vais ter uma filha muito linda como tu, ou um filho também lindo.
Ela(passados cerca de 5 minutos): Óh mas depois vai ser uma seca quando formos para o hospital.
Eu: Hospital, que hospital?
Ela: Olha, para ter o bebé, pois claro. Com aquelas agulhas todas, para dar aquelas vacinas todas, e ficarmos lá sozinhos naqueles quartos escuros. Dessa parte não vou gostar nada... Mas a minha filha vai-se chamar Cláudia Andreia Filipa!

16 fevereiro 2009

A Tosse...

que já tinha ido entretanto voltou, à conta de um sábado cheio de sol e de uma vontade desmesurada de matar saudades das camisolas cavadas e de manga curta e dos calções de praia e do equipamento do Barcelona que o pai lhe trouxe de lá, com o nome dele gravado nas costas. Depois da promessa de que não saiam de casa, de preferencia da sala, onde o recuperador estava aceso lá acedi a deixá-los passar toda a manhã naqueles preparos. ERRO! Desde ontem que a tosse voltou, principalmente no mais novo. Depois a ajudar o xarope que ficou no infantário durante o fim de semana. Toca lá a recorrer às mezinhas caseiras e preparar um xarope de cenoura, para aliviar a coisa.
Agora a sério: já deste o arzinho da tua graça novamente por isso vai lá dar uma voltinha para longe daqui tá bem?