31 outubro 2009

Sorte ou a falta dela

Ainda a digerir o facto de que não foi hoje que os meus problemas, preocupações, chatices, afins blá, bjá, tanta coisa que pode perfeitamente caber no saco e deitar ao mar, ao rio, eu sei lá, acabarem. Pois é... Tudo isto para dizer que ainda não foi esta semana que virei excêntrica!
Ando completamente exausta e sem paciência para nada. Não será bem a falta de paciência mas sim a falta de senso, atitude, comportamento, responsabilidade por parte da maior parte das pessoas que me rodeiam. Especialmente os meus alunos. Quando pensamos que vamos dar aulas a um grupo de adultos, pensamos: "Porreiro, malta crescida, formada", com quem não pensamos vir a ter problemas . E quando dou conta... sinto uma autêntica desilusão e infelizmente entendo tão bem os mais novos. As minha turmas de gente miuda na casa dos 14, 15, até 20 anos... Com a falta de exemplo, é muito fácil, genuíno até não fazer os trabalhos de casa, chegar tarde, não levar os cadernos, não levar o material, escrever sms durante a aula, não tirar o chapéu dentro da sala de aula, etc... outros tantos exemplos com os quais eu me deparo todos os dias... Mas como eu ia dizendo, quando vamos para uma turma de adultos pensamos que essas questões já não se põem mas... desengano. Piores ainda porque se julgam senhores de si e não admitem uma chamada de atenção porque já não são nenhuns garotos/as e não estão para ouvir sermões...
Admito no entanto que a culpa não é deles...como dizia o outro senhor... A culpa é do sistema... E enquanto os Centros de formação forem obrigados a mostrar trabalho, numeros, e estatisticas vai ser sempre assim...
E vejam só, isto tudo a partir da minha falta de sorte... Só para dizer que ainda não foi desta que me saíu o euromilhões:)

2 comentários:

Anónimo disse...

A culpa minha filha não é do sistema ,mas sim da falta de educação ,que essa gentinha tem... Na minha terra diz-se e muito bem que têm falta de chá.E que o chá tem que ser tomado de pequenino para fazer efeito ... Esse chá tem o nome de EDUCAÇÂO...
Depois a falta de sentido de responsabilidades, infelizmente é o que mais se vê em gente bem crescidinha é falta de educação...Tem calma contigo,e dança ao som da música que te derem , é a melhor maneira que encontras para solução desses problemas...
Beijo de quem te dá um bom conselho, pela longa expriência de vida que tem...
M.L,

Sophis disse...

O melhor é não desistirmos de jogar. bjs