22 setembro 2012

As voltas da vida...

Há 9 anos atrás, bem no início do dia recebia a pior noticia até aí, e apesar de a esperar silenciosamente senti o maior vazio da minha vida. Ele vencera, a doença vingara e o meu pai foi-se como o vento deste primeiro dia de Outono... Hoje tenho lá dentro, já a dormir, os filhos de uma amiga querida, que há 12 dias se afastou deles para se tratar, e depois de uma cirurgia se prepara para enfrentar uma etapa de tratamentos de quimio e radioterapia e todos os efeitos que lhe possam trazer... Sinto no meu coração que esta é a melhor homenagem que posso prestar ao meu pai, e matar as saudades que me acompanham todos os dias, porque a vida é uma roda que não pára de girar... 

1 comentário:

Mãe disse...

Muita força e um bjinho

Dos incêndios outra vez... e da força de pessoas tão especiais...

No domingo passado não queria acreditar o que o ecrã da televisão mostrava... quatro meses depois da grande tragédia de Pedrógão Grande, P...